20/03/2018 - A ORAÇÃO QUE AGRADA A DEUS

O sacrifício dos ímpios é abominável ao SENHOR, mas a oração dos retos é o seu contentamento. 

Provérbios 15.8

O versículo fala sobre dois grupos de pessoas que se apresentam diante de Deus. Um é o dos ímpios, os quais não respeitam a santidade do Senhor. Eles fazem o que querem e falam o que lhes vem à cabeça, mas, para tentarem agradar ao Altíssimo, fazem sacrifícios. No entanto, esse esforço complica mais a situação deles diante do Onipotente, porque, em vez de serem usados por Ele, eles O transformam em um “vendedor” sem escrúpulos, que faz o necessário para “realizar a venda”.

A prática de sacrifícios era comum nos dias do reinado de Salomão. Ao escrever a atitude de quem faz uso desse instituto, ele diz claramente que quem não vive conforme os padrões bíblicos não agrada a Deus, mas O irrita. Imitar os salvos é bom, desde que a pessoa também seja temente ao Senhor. O Altíssimo não está interessado em receber provas de “amor”, e sim ser amado pelo Seu povo – tendo e cumprindo os mandamentos (Jo 14.21).

Segundo o texto bíblico destacado, fica claro não ser possível comprar o favor de Deus, mas é possível conseguir a ajuda dEle, fazendo o que Lhe agrada. O Senhor quer ver Seu povo praticando boas obras, respeitando os preceitos bíblicos e vivendo de modo limpo. O Altíssimo pede que sejamos santos, pois Ele é santo (1 Pe 1.16). Quem viver segundo a Palavra do Senhor terá as suas determinações honradas. Acerte-se com Ele!

Mesmo que os ímpios utilizassem meios aceitáveis na época, não atendiam às orientações do Altíssimo, por isso o Senhor considerou a atitude deles repugnante. Deus não mudou Seu modo de ver as coisas nem se “modernizou”. A Ele não interessa o que você pode dar para a igreja, e sim se fará o que Ele diz. O Todo-Poderoso só pode usar a pessoa que vive em santidade, consagra-se e obedece aos propósitos divinos.

Os retos, ao assumirem e cumprirem com seriedade e fidelidade a Palavra de Deus, quando oram, tornam-se o Seu contentamento. Estes agradam ao Senhor e, por isso, têm as suas orações respondidas e os seus desejos realizados (Sl 37.4). Veja como tem vivido. Se estiver em pecado, você impedirá o Altíssimo de agir em sua vida. Quem confiar no Pai celestial herdará a terra; portanto, endireite o seu proceder!

Aquele que observar os estatutos de Deus alegrará o coração dEle. Então, quando clamar, logo obterá a resposta. Por que viver no erro, se quem procede assim não herdará o Reino dos Céus? Ora, quem não subir com Jesus na Sua volta não terá outra chance de mudar seu destino eterno. Aproveite agora e se componha com Cristo, aceitando-O como Senhor e Salvador.

Jamais se apresente diante de Deus com mentiras, tentando esconder um viver sujo. Ele lhe dirá que jamais o conheceu e, por isso, será enviado para a perdição. O Altíssimo vê todas as coisas como elas são e foram feitas. Seria bom se você dobrasse os joelhos e se consertasse com Ele agora. Faça isso!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares