20/12/2018 - O PREÇO DO PECADO

Então, veio Semaías, o profeta, a Roboão e aos príncipes de Judá que se ajuntaram em Jerusalém por causa de Sisaque e disse-lhes: Assim diz o SENHOR: Vós me deixastes a mim, pelo que eu também vos deixei nas mãos de Sisaque.

2 Crônicas 12.5

Quem abandonar o Senhor será vencido e humilhado pelo inimigo. Embora Deus tenha rasgado o reino de Roboão, permitindo-lhe ficar somente com duas tribos  Judá e Benjamin –, o filho de Salomão se afastou do Altíssimo, o qual faria dele um exemplo de servo e rei. Vigie e ore, porque o diabo tentará tirar você da presença divina, irá fazê-lo ceder às armadilhas dele e destruirá a sua vida. Quem ama a Deus jamais O deixa!

A situação envolvendo esse rei ocorrerá com quem se afastar do Senhor. O castigo recebido por Roboão foi físico, mas o dessa pessoa será espiritual. Quem busca o Altíssimo e Lhe serve de coração ficará livre das garras do adversário. O filho do homem mais sábio entendia que, sem o temor de Deus, estava sob o poder do mal, mas, mesmo assim, quis arriscar e caiu. Quem se desvia do Evangelho acaba nas garras do diabo. 

Quando Salomão ainda reinava, o Todo-Poderoso declarou que dividiria o reino de Davi em dois, por causa do desrespeito de Salomão em relação à Palavra – ele se entregou às práticas proibidas nas Escrituras. A única alternativa era rasgar o reino. Jeroboão recebeu 10 das 12 tribos de Jacó. As restantes  Judá e Benjamim  ficaram com Roboão. Atenção: quem se distanciar da Verdade perderá a proteção do Onipotente, e o custo será alto!

Na ocasião da invasão do rei do Egito à nação de Roboão, a força usada por esse Faraó foi descomunal, sendo impossível resistir à sua fúria. Assim, o jovem néscio viu como era alto o preço por ignorar o Altíssimo – Refúgio, Fortaleza e Socorro bem presente no momento da tribulação (Sl 46.1). Com Sisaque, foi-se a glória do reino e também todo o tesouro do templo e da casa do rei.

Roboão sentiu quão ruim era a servidão ao inimigo em comparação com o serviço ao Senhor: ele viu Sisaque colocar a mão nas riquezas existentes em Jerusalém desde o tempo de Davi. Por que o rei cortara os laços com Deus, se o seu reino e a sua família só sobreviveriam porque Davi havia cumprido a vontade divina? Da mesma maneira, só existimos como povo de Deus devido ao sacrifício de Jesus em nosso favor no Calvário. Consagre-se ao Pai celestial!

O ataque do Faraó serve de advertência a quem também desobedece ao Senhor. Sendo Ele o Criador de todas as coisas e, portanto, da nossa vida, devemos a Ele tudo o que somos em Cristo. Os infiéis desconhecem o quanto sofrerão. Mais cedo ou mais tarde, o diabo tocará neles e em seus familiares. Se Roboão tivesse acreditado nas Escrituras, teria permanecido como servo de Deus para sempre. Fuja do pecado a todo custo! 

O profeta Semaías declarou a Roboão e aos príncipes de Judá: Assim diz o SENHOR: Vós me deixastes a mim, pelo que eu também vos deixei nas mãos de Sisaque (2 Cr 12.5b). Esses indivíduos viram como é terrível a escravidão imposta pelo oponente. Os desviados nem imaginam o quanto sofrerão ao recusarem a Fonte do bem. Entenda: ainda dá tempo de se achegar ao Senhor!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares