28/08/2019 - COITADO DE QUEM NÃO OUVE O SENHOR

Quando Efraim falava, tremia-se; foi exalçado em Israel; mas ele fez-se culpado em Baal e morreu.

Oseias 13.1

A história do reino do Norte deveria ter continuado linda, pois o próprio Senhor havia feito a separação das dez tribos da casa de Davi. Tudo começou com Salomão, a quem Deus deu sabedoria ímpar na Terra. Infelizmente, tempos depois, ele se deixou levar pelo inimigo e caiu em transgressão por ser paparicado por todos ao seu redor. A Palavra dizia que os israelitas só deveriam se casar entre si, mas ele preferiu amar muitas mulheres.

Como um abismo chama outro abismo (Sl 42.7), Salomão permitiu o culto a outros “deuses”; depois, fez oferendas a essas “divindades”, que, na verdade, eram demônios mentirosos. Quem se deixa corromper por algum espírito imundo se torna servo deste e, sem dúvida, fará coisas bem piores. A queda de um indivíduo só é paralisada na conversão a Cristo.

Efraim era uma das tribos que compunham o reino do Norte, o qual manteve o nome Israel, também conhecido como Samaria e Efraim. Quando essa tribo falava, um temor surgia nos reinos ao derredor, pois era formada de valentes e poderosos. Calamidades acontecerão aos que deixarem o Senhor, e elas durarão muito. O poder engana a quem o detém. Com ele, vem a autoconfiança, e a pessoa nem percebe que começou a cair. Dependa apenas do Altíssimo!

Essa tribo, descendente de José do Egito, era grande em Israel, mas, por causa do que se tornou, fez-se culpada em Baal. Quem não vigia na obra de Deus cresce sem dar a glória ao Todo-Poderoso e é levado a fazer a vontade do inimigo. Então, tal rebelde se perderá aqui e para sempre, caso não se arrependa. É lamentável ver aqueles que conheceram o Onipotente ficarem mudos em relação ao louvor que é devido ao Pai.

De que adianta alguém conseguir sobressair-se, se não reconhece o Senhor como seu Deus? Em pouco tempo, ele se envolverá com o diabo e, depois, por mais que tente se libertar dele, nunca conseguirá, a não ser com a ajuda do Senhor. Aquele que o Altíssimo abençoa deve ficar atento ao que Jesus disse: E a qualquer que muito for dado, muito se lhe pedirá (Lc 12.48). Esquecer-se de Deus já é obra do diabo.

Com a exaltação em Efraim, as pessoas se perderam completamente, porque os espíritos imundos passaram a dirigi-las, envolvendo-as em suas malhas de pecado. Não dá para entender como alguém que conheceu a Verdade volta para a mentira? Depois, só restará uma tremenda opressão do adversário. Quem amar o Senhor também será amado por Ele. Vigie para não cair em tentação, lembrando-se de orar continuamente!

Após ter seu reino exaltado, Efraim teve seu fim anunciado pelo Espírito de Deus: morreu. A morte aqui é a separação eterna do Criador. Isso ocorreu por não ter se preparado para servir ao Todo-Poderoso. Ora, nada é mais importante do que isso!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares