Nos teus átrios

Foto: Gurth Bramall

2024-04-01 03:00:00

Porque vale mais um dia nos teus átrios do que, em outra parte, mil. Preferiria estar à porta da Casa do meu Deus, a habitar nas tendas da impiedade. 

Salmo 84.10

Pense na casa de Deus como um palácio, onde há os átrios, aonde as pessoas chegam para se encaminharem aos lugares certos e serem atendidas. Nos átrios, há dezenas, centenas ou milhões de portas que se abrem para que as pessoas entrem e supram as suas necessidades. Essas entradas levam aos “armazéns” das mais variadas bênçãos, como o da salvação, do perdão, da cura divina e dos demais suprimentos, que nos ajudarão a tomar posse das dádivas do Senhor.

Não dê ouvidos ao diabo. Sendo mentiroso, ele promete aquilo que não pode cumprir. Na verdade, algumas vezes, o maligno faz o impossível para enganar você, pois deseja a sua perdição eterna no lago de fogo e enxofre junto com ele (Jo 10.10; Ap 20.10,14,15; 21.8). Caso ele o enrede nas suas teias e veja que você está nas garras dos demônios, começará a fustigá-lo e oprimi-lo de todos os modos. Recuse qualquer proposta do inimigo!

Enquanto o rei Asa habitava nos átrios do Senhor, conseguiu prosperar o seu povo e viu o Céu guardá-lo do mal durante dez anos. Porém, quando abandonou a grandeza da fidelidade de Deus e, imitando outras nações, quis construir muralhas ao redor de Jerusalém para proteção, enquanto tudo estava calmo, Asa viu o rei etíope ir contra ele.

O início do reinado de Asa foi de dedicação completa ao Senhor, conforme declaram as Escrituras: E Asa fez o que era bom e reto aos olhos do SENHOR, seu Deus (2 Cr 14.2). Ele empreendeu uma grande reforma religiosa, destruindo os objetos da idolatria que se firmava na terra santa. Ainda ordenou ao povo que buscasse o Senhor; assim, todas as pessoas foram beneficiadas com a prosperidade que ocorreu!

Mesmo em meio ao mover divino sobre seu país, Asa se deixou levar pelo medo: Disse, pois, a Judá: Edifiquemos estas cidades e cerquemo-las de muros, torres, portas e ferrolhos, enquanto a terra ainda está quieta diante de nós, pois buscamos ao SENHOR, nosso Deus; buscamo-lo e deu-nos repouso em redor. Edificaram, pois, e prosperaram (2 Cr 14.7). Todo cuidado é pouco com o diabo. O rei errou!

Na Etiópia, país que ficava a quatro mil quilômetros de Jerusalém, Zerá, o comandante etíope, decidiu atacar a Cidade Santa e roubar os seus tesouros. Ele preparou soldados e avançou com 1 milhão deles. Quando Asa viu o mal que havia feito a Deus e se humilhou, o Senhor deu a vitória a Judá (2 Cr 14.9-15). Por que o rei cedeu à tentação de ser igual às nações ao redor, se Deus lhe tinha dado dez anos de paz e o guardaria para sempre?

O rei se mudou da porta da casa de Deus e foi habitar nas tendas da impiedade. Deus enviou o profeta Azarias, filho de Obede, o qual disse: E saiu ao encontro de Asa e disse-lhe: Ouvi-me, Asa, e todo o Judá, e Benjamim: O SENHOR está convosco, enquanto vós estais com ele, e, se o buscardes, o achareis; porém, se o deixardes, vos deixará (2 Cr 15.2).


Em Cristo, com amor,


R. R. Soares

Oração de Hoje

Senhor dos santos átrios! Davi orou de modo correto, sabendo que morar às portas da Tua casa é melhor do que onde habita a impiedade. Nós também escolhemos viver na Tua presença! Não queremos nada do diabo. Pai, agradecemos pela Tua morada!

Dentro dos Teus átrios, há portas que levam aos Teus recursos. Agora, se vivermos nas tendas da maldade, enfrentaremos tentações a toda hora. Escolhemos a mesma oferta de Davi. Onde o diabo age não é lugar para vivermos. Sempre escolheremos o melhor!

Jamais trocaremos um dia contigo por mil dias com o inimigo. Almejamos crescer e viver segundo a Tua vontade, e isso nos basta. Aliás, somos gratos pelo privilégio de estarmos junto a Ti. Tu sempre nos dás o Teu amor. Obrigado!