Tudo mais excelente

Foto: Devon Janse Van Rensburg

2024-02-26 03:00:00

Mas agora alcançou ele ministério tanto mais excelente, quanto é mediador de um melhor concerto, que está confirmado em melhores promessas. 

Hebreus 8.6

O ministério na Nova Aliança é infinitamente mais excelente do que o da Lei de Moisés, porque por esta ninguém é salvo. A salvação só se tornou possível por meio da morte de Jesus, e, antes dEle, só foram salvos aqueles que esperavam em Deus pela redenção (Lc 2.25-38). O Novo Testamento é a lei da liberdade, da qual as pessoas passam a desfrutar quando dão ouvidos à Palavra do Senhor. Uma vez que reconhecem que os seus pecados foram sofridos por Jesus e O aceitam como Salvador, elas são salvas!

A excelência do ministério do juramento de Deus feito a Abraão está no fato de que os crentes – que perseveram em buscar os seus direitos em Cristo e vivê-los – logo se tornam salvos e, por isso, começam a produzir o fruto do Espírito Santo (Gl 5.22). A excelência significa que ninguém precisa se matar para receber a purificação dos seus pecados; basta depositar a sua fé nas Escrituras para ser curado, liberto e perdoado.

Essa elevada excelência conquistada por Jesus é passada automaticamente para aqueles que Lhe servem e O amam de coração. Deus perdoará e salvará quem se chegar a Ele por intermédio de Cristo (Hb 7.25). Assim, logo se verá a mudança nessas pessoas, tanto no procedimento social como na fé no Salvador, mediante os sinais que as seguirão por crerem (Gl 5.16-25). Viver longe da presença de Deus é um erro que não deve ser cometido; afinal, aquilo que Deus é e possui estão à disposição dos Seus filhos.

O pacto feito por intermédio de Moisés era bom, mas tinha de ser atendido em todos os seus quesitos. Agora, eis a exigência da Nova Aliança: o interessado em receber as bênçãos divinas precisa agir pela fé, para que Deus lhe conceda aquilo que ele descobriu na Palavra e tomou posse, invocando o Nome do Senhor. Ora, Jesus é o Mediador desse melhor Concerto. Ele diz o que você obterá ao colocar sua fé em ação, e o diabo não pode se manifestar!

Na Nova Aliança, é necessário dar ouvidos a Deus. Assim, o Espírito Santo abrirá o seu entendimento para aquilo que a Palavra fala a respeito do seu problema e do seu direito de usar o Nome superior a todo o nome, crendo que a bênção é sua. No melhor Concerto, termina a necessidade de sacrificar animais, como ocorria na Lei mosaica. Então, convicto de que aprendeu a lição, tome posse daquilo que lhe pertence em Jesus.

Além de ser melhor, a Nova Aliança está confirmada por Cristo em melhores promessas. Portanto, sabendo do que Deus fez em favor do ser humano mediante o sangue do Seu Filho, seja um colecionador de vitórias. A morte foi derrotada, e a noite já passou. O novo dia raiou no domingo da ressurreição, quando o Salvador saiu do reino da morte para se tornar o Senhor dos vivos e mortos (Rm 14.9). Aleluia!

Deus não precisa confirmar mais nada, a não ser na vida daqueles que possuem a fé límpida e verdadeira. A ressurreição de Jesus mostra que o diabo perdeu completamente a batalha e os cristãos são os herdeiros das dádivas conquistadas na Sua morte (Rm 8.17). É tempo de falarmos do amor do Senhor; assim, Ele confirmará a nossa pregação com sinais e prodígios (At 14.3).


Em Cristo, com amor,


R. R. Soares

Oração de Hoje

Deus do Novo Concerto! A excelência está na Nova Aliança. Basta crermos nela, e a obra logo aparece feita. O Teu Filho dava uma amostra do que ocorreria depois que Ele morresse, fosse ao Inferno e derrotasse o diabo e seus males!

Então, o Novo Pacto entrou em operação. Feito com o sangue do Teu Unigênito, nada mais poderia nos atacar e vencer. Hoje, somos milhões de cristãos, os quais são a nata do Ministério do Juramento. Tu cumpriste o prometido. Pai, Tu és demais!

Agora, só há sorriso em nossa face; nada de tristeza ou incerteza. Cristo venceu a morte, derrubou as paredes do reino das trevas e nos deu fé e amor, mostrando que podemos desfrutar da vida abundante, mas depende de nós!